You are currently browsing the category archive for the ‘thinking’ category.

Neste fim de semana, visitei a Dani e o Nando, dois amigos que tem uma filha linda, a Sofia.E fiquei pensando como é engraçado que um ano represente coisas diferentes para cada pessoa.

Em um ano, fiz poucas coisas: terminei a faculdade, fui efetivada no trabalho, completei mais um ano de vida e mais um ano de namoro. Já para a Sofia, em um ano, ela aprendeu a falar, anda sem ajuda, reconhece as pessoas, canta, cresceu, o cabelo cresceu… como dizem os mais velhos: virou uma mocinha.

Certas pequenas coisas, cotidianas da vida, me impressionam muito. É incrível como um ano representa um mundo de novidades e aprendizados para uma “pequena” pessoa, e como, para uma pessoa “grande”, não dá para fazer nada. Fiquei pensando quantas oportunidades de aprender, de descobrir, de sentir eu deixo passar todos os dias. E o quão pouco me impressiono com as coisas que vou aprendendo, vendo, sentindo…

Preciso, de vez em quando, dar uma pausa na minha vida de gente “grande” e ver o mundo com os olhos mais carinhosos de uma criança.

 

crianca-2